contrato de transporte

Contrato de transporte: dicas para contratar um motoboy com segurança

A profissão de motoboy é bem conhecida por todo o Brasil desde a década de 1980. Com as recentes conquistas para a regulamentação desse profissional, mais empresas se sentem confiantes para contratar trabalhos de entrega e recebimento de documentos, objetos, malotes de bancos, dentre outros serviços.

Os motoboy estão submetidos ao sindicato e à legislação da categoria. Pode-se afirmar que é uma profissão bem-estruturada, fundamental para muitas empresas. Apesar disto, será que posso mesmo confiar em um motoboy? Como posso saber que os documentos irão ser entregues ou recebidos de forma segura? Como evitar motoboys mal-intencionados?

Como em todos os ofícios, há profissionais de confiança e “profissionais” lamentáveis, portanto cuidados são necessários. Para ajudá-lo a encontrar os melhores, separamos algumas dicas que você precisa saber na hora de contratar um motoboy. Confira:

Contrato de transporte: como contratar um motoboy de confiança

1 – Busque referências e indicações

A experiência pessoal de nossos conhecidos pode ajudar a fazermos melhores escolhas e deve ser o ponto de partida quando a questão é encontrar serviços de qualidade. Ao pedir indicação de amigos, colegas de trabalho e familiares, provavelmente alguém terá alguma história para contar e saberá lhe dizer tudo que pode dar errado quando for contratar um motoboy. Com sorte, pode ser que encontre o contato de um dos bons.

Solicitar referências ao motoboy também é fundamental: com um bom histórico de trabalho nas empresas anteriores fica mais fácil saber se ele é confiável.

2 – Terceirização é uma opção

Através de fornecedores terceirizados você poderá receber serviços de motoboy sem vínculo empregatício (desde que a relação seja eventual), protegendo a empresa de complicações com motoboys mal intencionados. O fornecedor deverá entregar o serviço na qualidade esperada, sem que a empresa tenha que dedicar tempo gerenciando uma equipe de motoboys, com toda a legislação e exigências sindicais da categoria. Na prática, isso faz com que a empresa concentre seus esforços naquilo que é mais importante, e transfira para fornecedores especializados o trabalho de encontrar e gerenciar motoboys de confiança.

Outra vantagem é não precisar manter uma frota de motos, o que implica custos com impostos e manutenção. Além disso, alguns fornecedores oferecem seguros que protegem a carga durante o transporte.

Terceirizar é a uma possibilidade interessante para empresas que buscam manter uma equipe enxuta e assegurar certa qualidade de serviço de entrega sem ter que perder tempo com isso. Dependendo da situação, é a opção mais econômica.

3 – Redes sociais podem ajudar

Uma das formas disponíveis e utilizadas pelos Recursos Humanos das empresas para conhecer os candidatos às vagas oferecidas é através das redes sociais. Para uma atividade de confiança como a do motoboy, não seria diferente.

Muitas vezes são utilizadas redes relacionadas às áreas profissionais, como o LinkedIn. No caso dos motoboys, as redes usadas para integração e entretenimento como o Facebook também ajudam. O contratante pode conhecer o histórico profissional da pessoa e se exerce atividades extras, o que pode render pontos a mais ao candidato. Outros aspectos que podem ser verificados incluem as listas de interesse, a interação com amigos e familiares e até se ele tem atitudes éticas e honestas.

Para tal, é importante lembrar que o recrutador deve ser preparado a respeitar as escolhas do candidato, até porque a maneira como as pessoas se comunicam nas redes sociais é diferente da vida fora do virtual.

4 – Serviços online de motoboy

Pela web e por aplicativos de smartphone, diversos serviços online foram criados recentemente para gerar maior segurança na contratação de motoboys. Esses serviços exigem dos motoboys que cumpram com requisitos indispensáveis, como documentação em dia e licenças obrigatórias. Além disso, há sistemas de rankings onde os clientes apontam quais são os melhores motoboys, o que na prática também possibilita evitar os piores de um modo que antes não era possível.

Com essas características únicas e se consolidando como uma forma inovadora e econômica de contrato de transporte terceirizado (na mesma direção da dica 2), é um dos melhores caminhos para contratar motoboys com segurança. Se desejar saber mais, conheça a melhor ferramenta online de busca e agendamento de motoboys.

Sabe outras dicas de como contratar um motoboy de confiança? Conte para a gente! Também responderemos suas dúvidas nos comentários. Até mais!

(Foto em destaque: lichtblick)

by Motoboy SP

One thought on “Contrato de transporte: dicas para contratar um motoboy com segurança”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *